20:02 13 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Marinha iraniana dispara um míssil Mehrab durante os exercícios de guerra naval Velayat-90 no Estreito de Hormuz, no sul do Irã (arquivo)

    Chanceler iraniano: Teerã nunca produzirá mísseis com capacidade nuclear

    © AFP 2018 / EBRAHIM NOROOZI / Jamejamonline
    Oriente Médio e África
    URL curta
    6110

    Teerã nunca planejou e não produzirá mísseis capazes de transportar ogivas nucleares, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã nesta quarta-feira.

    "Nas políticas transparentes de mísseis e defesa do Irã (…) não há projeto e plano para ter mísseis capazes de transportar ogivas nucleares, e não haverá no futuro", disse Bahram Qassemi, segundo o serviço de imprensa do ministério.

    Qassemi também criticou os Estados ocidentais por suas políticas de duplo padrão e disse que lamenta posições tão beligerantes sobre o programa de defesa pacífica do Irã.

    "Acreditamos profundamente que a expressão de tais preocupações não se baseia em fundamentos lógicos e é, mais do que tudo, um resultado de políticas e abordagens iranofóbicas adotadas por certos países e regimes do mundo", observou ele.

    No sábado, o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, disse que o Irã testou o lançamento de um míssil balístico de médio alcance capaz de violar uma resolução do Conselho de Segurança da ONU. Na terça-feira, uma fonte diplomática disse à Sputnik que as missões francesas e britânicas na ONU haviam solicitado o encerramento das consultas do Conselho de Segurança da ONU para discutir os testes nucleares do Irã.

    Na semana passada, o Ministério das Relações Exteriores iraniano refutou a alegação de Pompeo. O porta-voz das Forças Armadas iranianas, Abolfazl Shekarchi, disse que o Irã continuará a conduzir testes de mísseis sem pedir permissão a outros países. Ele ressaltou que o teste de mísseis tinha como objetivo garantir a defesa do país em relação à segurança nacional.

    Tags:
    Conselho de Segurança da ONU, Bahram Qassemi, Abolfazl Shekarchi, Mike Pompeo, Estados Unidos, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik