14:06 02 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    9410
    Nos siga no

    Israel insistirá na convocação de uma reunião urgente do Conselho de Segurança da ONU para condenar o grupo radical libanês Hezbollah, disse o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

    Israel acusou o Hezbollah de construir túneis de fronteira secreta no território do Estado judeu e anunciou o início da operação do Escudo do Norte para destruí-los.

    "Eu confiei a delegação israelense à ONU para convocar uma reunião urgente do Conselho de Segurança para condenar o Hezbollah e suas ações", disse Netanyahu em um pronunciamento de televisão nacional.

    Ele disse que conversou com o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, no dia anterior, com quem examinou a imposição de novas sanções contra o grupo xiita libanês.

    Netanyahu relatou que atualmente planeja conversar com outros líderes mundiais e também com o secretário-geral da ONU.

     

    Tags:
    Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar