05:26 11 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Jamal Khashoggi

    Turquia considera insuficientes as declarações de Riad sobre o caso de Khashoggi

    © AP Photo/ Hasan Jamali
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 30

    A recente declaração das autoridades da Arábia Saudita sobre o assassinato do jornalista Jamal Khashoggi é um passo positivo, mas insuficiente, disse o ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu.

    O Gabinete do Procurador da Arábia Saudita informou quinta-feira que no caso de Khashoggi foram presos no total 21 pessoas, contra 11 deles foram acusados, enquanto que por cinco suspeitos do assassinato do jornalista do Ministério Público exige a pena de morte.

    "Vemos a declaração da Arábia Saudita sobre o assassinato de Khashoggi como positiva, mas insuficiente", disse Cavusoglu ao canal TRT.

    Jamal Khashoggi foi morto dentro do consulado de seu país em Istambul, quando foi ao local para buscar um documento. Inicialmente, Riad anunciou que Khashoggi havia deixado o local pouco depois de entrar.

    Tags:
    assassinato de Jamal Khashoggi, Jamal Khashoggi, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik