15:36 12 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Combatentes de oposição passando pela área de al-Breij, Síria

    Ataques de militantes matam 4 soldados na Síria com tiros

    © AFP 2018 / Fadi al-Halabi
    Oriente Médio e África
    URL curta
    306

    Um ataque a tiros realizado por militantes nas províncias de Hama e Idlib, na Síria, deixou 4 quatro soldados sírios mortos e um outro ferido, segundo comunicado do Centro de Reconciliação Síria do Ministério da Defesa da Rússia.

    "Ao longo do último dia eles [militantes] atacaram assentamentos de Dejaj [na província de Idlib] e Abu-Dali na província de Hama. Quatro militares da República Árabe da Síria foram mortos e um soldado ficou ferido", diz o comunicado.

    O Centro também afirmou que registrou violações contínuas do regime de cessar-fogo por parte de grupos armados e ilegais que operam na zona de diminuição de confrontos em Idlib.

    A Síria está em estado de guerra civil desde 2011. As forças do governo enfrentam grupos de oposição e organizações terroristas. A Rússia, ao lado da Turquia e do Irã, é um Estados garantidores do regime de cessar-fogo na Síria.

    Mais:

    Israel se assusta com chegada dos S-300 russos na Síria, relata mídia
    Forças Armadas da Rússia: militantes planejam novas provocações químicas na Síria
    EUA alcançam 'ponto máximo de loucura e histeria' na Síria, afirma mídia árabe
    Síria quer ser um dos primeiros países a comprar aviões russos MC-21
    Tags:
    Guerra da Síria, Centro Russo de Reconciliação Síria, Rússia, Turquia, Irã, Hama, Idlib, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik