08:23 22 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Militares turcos na fronteira turco-siria, 27 de abril de 2017 (foto de arquivo)

    Ofensiva terrestre da Turquia a leste do Eufrates 'é inevitável', explica especialista

    © REUTERS / Kadir Celikcan
    Oriente Médio e África
    URL curta
    5110

    De acordo com o especialista turco, Naim Baburoglu, a Turquia está comprometida em realizar uma operação contra as unidades curdas às margens do rio Eufrates.

    O analista afirma que os Estados Unidos continuam apoiando militarmente as unidades turcas. Apesar disso, Ancara tem que esperar pela implementação completa da rota norte-americana em Manbij, o que pode demorar muito.

    Caso Washington e Ancara consigam alcançar um acordo para neutralização das Unidades de Proteção Popular curdas (YPG) na zona ou para sua expulsão ao sul de Raqqa, "poderiam criar uma rota similar para Kobane, Tell Abyad e Al-Qamishli". Tais cidades são povoadas por curdos sírios, e Ancara as enxerga como extensão das entidades curdas no território turco e as qualifica como "terroristas".

    Os EUA ainda não cumpriram suas promessas relacionadas a Manbij, onde atualmente há 7.000 membros da milícia curda. O analista acredita que isso "não seja possível, já que a eliminação das unidades curdas não beneficia os interesses de Washington".

    "Pelo contrário, os norte-americanos fortaleceram suas posições na região, construíram novas bases e aeródromos militares e implantam sistemas de radares. Tudo aponta que, em último instante, a Turquia será obrigada a adotar medidas decisivas, algo que tornará inevitável uma ofensiva a leste do Eufrates", disse o analista.

    Pelo fato da região representar aproximadamente 30% do território sírio, a ofensiva na região constitui uma "necessidade urgente" para Ancara.

    Além disso, o especialista sugere que "Rússia e Irã, preocupados com atividades de Washington, prestem apoio diplomático à Turquia", enquanto que os EUA não vão entrar em um confronto direto com Ancara.

    Na terça-feira (30), o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, declarou que o país otomano começaria em breve uma operação contra as unidades curdas a leste do Eufrates.

    "Não permitiremos que seja criada uma estrutura terrorista a leste do Eufrates, a destruiremos; em breve iniciaremos uma operação de grande escala contra as forças armadas curdas no leste do Eufrates", afirmou o presidente. 

    Mais:

    Exército sírio retoma vários povoados controlados pela oposição a leste do Eufrates
    Rússia suspeita que forças pró-EUA tenham destruído ponte do rio Eufrates na Síria
    Pentágono reportou intensos combates com Daesh no vale do Eufrates, na Síria
    Síria continua ofensiva contra Daesh com apoio da Força Aérea russa no vale do Eufrates
    Tags:
    curdos sírios, ofensiva terrestre, território sírio, Unidades de Proteção Popular (YPG), Recep Tayyip Erdogan, rio Eufrates, Manbij, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik