19:39 16 Fevereiro 2019
Ouvir Rádio
    Copenhague, a capital de Dinamarca (foto de arquivo)

    Copenhague: Irã planejou assassinato em território da Dinamarca

    CC BY 2.0 / 2benny / Copenhagen, Denmark
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 06

    Dinamarca convocou seu embaixador em Teerã, após revelação de informações sobre os preparativos para um assassinato no território do país escandinavo, supostamente pelos serviços secretos iranianos, informou o ministro das Relações Exteriores da Dinamarca, Anders Samuelsen.

    "A conspiração iraniana para assassinar em solo dinamarquês é totalmente inaceitável. O embaixador dinamarquês foi convocado para consultas", disse Samuelsen.

    Segundo o ministro, Copenhague "vai discutir com os parceiros europeus nos próximos dias possíveis medidas" contra o Irã.

    Na terça-feira, o Chefe de Segurança e Inteligência da Dinamarca, Finn Borch Andersen, citado pela imprensa local, relatou que um cidadão norueguês de origem iraniana, preso em 21 de outubro na cidade sueca de Gotemburgo, é acusado de planejar um homicídio.

    Andersen explicou que seu suposto alvo era o líder do ramo dinamarquês do movimento árabe Luta de Libertação de Ahvaz, grupo insurgente que defende a criação de um Estado árabe independente na província iraniana de Khuzestan (sudoeste) e é considerado uma organização terrorista por Teerã.

    De acordo com Andersen, Copenhague acredita que agências de inteligência iranianas têm planejado o assassinato em território dinamarquês.

    O ministério das Relações Exteriores dinamarquês também convocou o embaixador iraniano em seu país, Morteza Moradian, para discutir o "inaceitável" comportamento de Irã.

    Mais:

    Oficial nega terrorismo em Ahvaz e Irã exige explicações dos Emirados Árabes Unidos
    Quem vai receber 'resposta esmagadora' do Irã pelo atentado em Ahvaz?
    Irã lança mísseis balísticos contra organizadores do atentado em Ahvaz (VÍDEOS)
    Netanyahu: tentativa do Irã de associar Israel ao ataque terrorista em Ahvaz é ridícula