13:10 14 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Drones

    Militares russos derrubaram 50 drones cerca da base síria de Hmeymim, declara Putin

    Flickr/DFShutterbug
    Oriente Médio e África
    URL curta
    6300

    Os sistemas da defesa antiaérea russos destruíram várias dezenas de aparelhos aéreos não tripulados perto da base aérea de Hmeymim, na Síria, durante os últimos meses, comunicou o presidente russo Vladimir Putin durante uma coletiva de imprensa depois do encontro com os líderes da Turquia, França e Alemanha em Istambul.

    "Durante o último mês e meio ou dois meses, as nossas forças da defesa antiaérea derrubaram perto da base de Hmeymim 50 aparelhos aéreos", disse o líder russo.

    Ele assinalou que a Rússia se reserva o direito de ajudar os militares sírios a liquidar os terroristas na província de Idlib em caso de as provocações continuarem.

    Segundo Putin, todos os participantes da reunião de líderes da Rússia, Turquia, França e Alemanha estão de acordo que a paz a longo prazo na Síria pode ser atingida apenas através de medidas político-diplomáticas.

    Em 27 de outubro, na cidade turca de Istambul se realizou uma reunião sobre o conflito sírio com participação dos líderes da Rússia, Turquia, França e Alemanha. Os mandatários trocaram opiniões sobre o avanço da situação política na Síria e os passos para fortalecer a segurança e estabilidade com o objetivo de criar condições para o regresso de refugiados.

    Mais:

    Putin: destino da Síria deve ser escolhido apenas pelo povo sírio
    Guerra na Síria vai durar enquanto EUA e europeus quiserem, diz Kadyrov
    Putin: Moscou ajudará Damasco a eliminar terroristas em Idlib
    Erdogan: comissão constitucional síria deve iniciar os trabalhos em 2019
    Tags:
    defesa antiaérea, drones, líderes, reunião, Vladimir Putin, Rússia, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik