07:48 15 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Um militar estadunidense patrulha uma base militar dos EUA perto do aeroporto de Aqaba, situada ao sul de Amman, capital da Jordânia

    'Se EUA fizerem algo errado, suas bases em torno do Irã não permanecerão seguras'

    © AP Photo / Mohammad Hannon
    Oriente Médio e África
    URL curta
    12242

    A declaração do líder espiritual iraniano, aiatolá Mohammad Ali Movahedi-Kermani, acontece em meio a intensas tensões entre o Irã e os EUA depois que Washington se retirou do acordo nuclear com o Irã.

    "Se os EUA fizerem algo errado, suas bases em torno do Irã não permanecerão seguras", afirmou a agência de notícias Mizan, citando suas palavras.

    Reportagens anteriores da mídia afirmaram que os EUA estavam retirando parte de suas baterias antiaéreas e antimísseis do Oriente Médio.

    Não é claro o número exato de tropas norte-americanas no Oriente Médio, mas segundo dados recentes do Pentágono o país tem cerca de 54.000 efetivos em mais de uma dúzia de países do Oriente Médio e mantém bases militares em sete deles. A lista geral inclui o Egito, Israel, Líbano, Síria, Turquia, Jordânia, Iraque, Kuwait, Arábia Saudita, Iêmen, Omã, Emirados Árabes Unidos, Qatar e Bahrein.

    As tensões entre o Irã e os EUA se intensificaram desde que os EUA se retiraram em maio deste ano do Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA, sigla em inglês), conhecido como o acordo nuclear com o Irã. Depois da retirada, Washington está agora reintroduzindo suas sanções contra o Irã, incluindo as extraterritoriais.

    Na quarta-feira (26), durante uma reunião do Conselho de Segurança da ONU, o presidente dos EUA, Donald Trump, disse que os Estados Unidos vão impor sanções ainda mais duras contra o Irã.

    Mais:

    Netanyahu afirma que Irã tem armazém atômico secreto em Teerã
    Japão e EUA conduzem manobras aéreas sobre mar da China Oriental
    Analista militar explica por que EUA retirarão sistemas antimísseis Patriot do Kuwait
    Tags:
    tropas, base militar, Donald Trump, Oriente Médio, Washington, Irã, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik