23:09 18 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    O então secretário de Estado dos EUA, John Kerry, à esquerda, cumprimenta o Presidente do Iêmen Abd Rabbo Mansour Hadi, no Palácio de Hóspedes de Al Nasarieh, em Riad, Arábia Saudita, 7 de maio de 2015 (arquivo)

    Presidente do Iêmen viaja às pressas para os EUA para tratamento médico de emergência

    © AP Photo / Andrew Harnik
    Oriente Médio e África
    URL curta
    320

    Uma fonte do governo iemenita disse à Reuters no domingo que os preparativos estão em andamento para transferir o presidente do Iêmen Abd Rabbu Mansour Hadi para os Estados Unidos hoje à noite para receber tratamento médico urgente.

    Segundo a Reuters, Hadi permanecerá nos EUA até a reunião da Assembleia Geral das Nações Unidas, esperada para o final de setembro.

    O Iêmen está envolvido desde 2015 em um conflito armado entre o governo — nominalmente liderado por Hadi — e a facção de oposição Houthi armada. Uma coalizão liderada pela Arábia Saudita vem realizando ataques aéreos contra os Houthis a pedido de Hadi desde março 2015

    Hadi vive no exílio em Riade desde que os houthis tomaram a capital do Iêmen, Sanaa. A imprensa diz que ele está sendo tratado por um problema cardíaco desde 2011. O último compromisso público do presidente exilado foi um encontro com o enviado especial da ONU para o Iêmen, Martin Griffiths para discutir as últimas negociações e desenvolvimentos antes das consultas de paz apoiadas pela ONU e previstas para setembro em Genebra.

    Tags:
    Assembleia Geral das Nações Unidas, ONU, Reuters, Abd Rabbo Mansour Hadi, Martin Griffiths, Genebra, Riade, Sanaa, Iêmen, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik