13:57 25 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Consequências dos ataques aéreos na cidade síria de Idlib

    Rússia registra 12 violações da trégua em Idlib

    © REUTERS / Ammar Abdullah
    Oriente Médio e África
    URL curta
    310

    Monitores militares russos em serviço na Síria registraram neste sábado a ocorrência de 12 violações do cessar-fogo na zona de desescalada de Idlib, segundo informou o Ministério da Defesa da Rússia.

    De acordo com a Defesa russa, ataques ilegais também ocorreram nas províncias de Aleppo e Latakia. Em contrapartida, no sudoeste do país, militantes rebeldes entregaram quase 400 armas e grande quantidade de munições de diferentes tipos e calibres. 

    No caso das vítimas, equipes médicas da Rússia providenciaram assistência para cerca de 200 pessoas, sendo 117 delas crianças, ao longo das últimas 24 horas, ainda segundo o Ministério da Defesa. 

    A Rússia é, junto com Turquia e Irã, uma das garantidoras do regime de cessar-fogo na Síria, que vem sendo desrespeitado regularmente por grupos armados que lutam para derrubar o governo do presidente Bashar Assad. 

    Desde 2011, a Síria se encontra em um estado de profunda guerra civil, com as forças leais a Damasco tendo que combater, com a ajuda de seus aliados, inúmeros grupos armados de oposição, incluindo organizações terroristas como o Daesh e a Frente al-Nusra. 

    Mais:

    Defesa da Rússia: destróier da Marinha dos EUA chega ao golfo Pérsico para 'atacar Síria'
    Diplomata russo: terroristas na Síria recebem armas de serviços secretos estrangeiros
    Daesh se reorganiza com mais de 20 mil membros no Iraque e na Síria, diz a ONU
    Tags:
    trégua, cessar-fogo, Damasco, Irã, Turquia, Rússia, Síria, Aleppo, Latakia, Idlib
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik