13:11 12 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Novos telefones iPhone X são comprados em uma loja da Apple em Pequim, China, em 3 de novembro de 2017

    Importações de iPhone à Turquia são anuladas após declarações de Erdogan

    © REUTERS / Damir Sagolj
    Oriente Médio e África
    URL curta
    9260

    As principais empresas importadoras de produtos eletrônicos da Turquia estão cancelando as importações de telefones da marca Apple depois do anúncio do presidente Recep Tayyip Erdogan de "boicotar o iPhone".

    Segundo informa o jornal Hurriyet, três empresas que colaboram com a rede comercial turca Dogubank, com sede em Istambul, anularam encomendas de iPhones no valor de US$ 50 milhões (R$ 195 milhões). Os telefones deviam chegar à Turquia entre outubro e novembro deste ano.

    O boicote se ampliou a outros produtos eletrônicos e não eletrônicos procedentes dos EUA, segundo certas informações que foram propagadas na Turquia.

    Em 15 de agosto, Ancara aumentou os impostos sobre a importação de várias mercadorias procedentes dos EUA, incluindo produtos como álcool, arroz, tabaco, carvão e automóveis. A medida foi aprovada em resposta às tarifas dos EUA sobre o aço e alumínio.

    Mais:

    'Briga' entre Erdogan e Trump ficará na memória dos turcos por muito tempo
    Assessor especial de Erdogan: EUA levaram relações com Turquia à quase total ruptura
    EUA não conseguirão fazer Turquia se ajoelhar, diz Erdogan
    Turquia está prestes a realizar novas operações militares na Síria, diz Erdogan
    Erdogan pede que empresários não 'corram para os bancos'
    Tags:
    telefone, boicote, importação, iPhone, sanções, Apple, Istambul, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik