22:33 16 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    President Donald Trump meets with Turkish President Recep Tayyip Erdogan in the Oval Office of the White House in Washington

    EUA deram prazo para Turquia soltar pastor americano

    © AP Photo / Evan Vucci
    Oriente Médio e África
    URL curta
    9810

    Os Estados Unidos estabeleceram o prazo de até a última quarta-feira (8) para que a Turquia libertasse um pastor americano acusado pela justiça turca de participação na tentativa de golpe de 2016, declarou Erdogan.

    Andrew Brunson é um pastor evangélico. Ele é acusado por Ancara de cooperar com o movimento do clérigo Fethullah Gülen em 2016, que tentou derrubar Erdogan do poder. 

    Em discurso na cidade costeira de Trabzon, no Mar Negro, Erdogan revelou que durante as negociações com Washington na semana passada, autoridades americanas ameaçaram impor sanções à Turquia caso o governo se recusasse a soltar Brunson. As demandas não foram atendidas e Ancara cobrou respeito dos aliados americanos.

    Um tribunal turco transferiu recentemente Brunson para prisão domiciliar após quase 20 meses de prisão. Em resposta, Washington sancionou dois ministros turcos e depois dobrou as tarifas sobre as importações de aço e alumínio da Turquia.

    Tags:
    Andrew Brunson, Fethullah Gulen, Trabzon, Estados Unidos, Ancara, mar Negro, Turquia, Washington
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik