14:49 15 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Posto de fronteira entre o Iêmen e a Arábia Saudita, na cidade de Al-Wadia, localizada na província saudita de Najran

    Houthis disparam mísseis contra a Arábia Saudita

    © AFP 2018 / Khaled FAZAA
    Oriente Médio e África
    URL curta
    390

    Rebeldes houthis, do Iêmen, dispararam vários mísseis nesta quarta-feira contra o território da Arábia Saudita, segundo informou a mídia da região.

    Os primeiros relatos dão conta de que os projéteis teriam como alvo a cidade de Jizan e áreas do entorno. Porém, boa parte dos mísseis teria sido interceptada por sistemas de defesa antiaérea do reino wahabita. 

    Em declarações veiculadas pelo canal de TV Al-Masirah, os rebeldes iemenitas confirmaram o disparo de ao menos um míssil contra a cidade industrial de Jizan. Até o momento, não há registros de vítimas ou danos provocados pelo ataque.

    A Arábia Saudita lidera uma coalizão árabe que atua há mais de três anos no Iêmen combatendo o movimento houthi, em apoio ao presidente Abd Rabbuh Mansur Hadi, que, após ser deposto do cargo no Iêmen, fugiu para o país vizinho, em março de 2015. 

    Segundo estimativas das Nações Unidas, mais de 15 mil pessoas já teriam sido mortas em decorrência dos conflitos no Iêmen ao longo desses pouco mais de três anos. 

    Mais:

    Rebeldes houthis teriam atacado navio saudita perto da costa ocidental do Iêmen
    Mesmo com cessar-fogo, coalizão liderada pelos sauditas ataca sede houthi no Iêmen
    ONU abandona Iêmen na iminência de ataque saudita e norte-americano
    Tags:
    mísseis, Al-Masirah, ONU, Abd Rabbuh Mansur Hadi, Jizan, Iêmen, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik