21:26 20 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Uma coluna de forças iemenitas pró-governo e veículos blindados chega ao distrito de al-Durayhimi.

    Mesmo com cessar-fogo, coalizão liderada pelos sauditas ataca sede houthi no Iêmen

    © AFP 2018 / NABIL HASSAN
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1010

    De acordo com uma fonte da Sputnik, a coalizão liderada pelos sauditas realizou ataques aéreos contra a sede do movimento Houthi na província de Hodeidah, no oeste do país, apesar do cessar-fogo.

    "A coalizão atacou na segunda-feira um edifício dos militantes de Ansar Allah na área de Zabid [província de Hudaydah]", disse a fonte.

    No domingo, o ministro das Relações Exteriores dos Emirados Árabes Unidos, Anwar Gargash, disse que a coalizão suspendeu a ofensiva no porto iemenita de Al-Hodeidah, de modo a promover as negociações de paz com os houthis.

    No início da semana, o enviado especial da ONU para o Iêmen, Martin Griffiths, disse que planejava iniciar negociações de paz entre o governo iemenita liderado pelo presidente Abd Rabbuh Mansur e os houthis nas próximas semanas.

    Uma operação militar em Al-Hodeidah foi lançada em junho, quando as forças do governo iemenitaapoiadas pela coalizão liderada pelos sauditas, iniciaram uma ofensiva para recapturar o porto dos houthis. A ofensiva foi criticada pela comunidade internacional pelo risco de agravar a crise humanitária no Iêmen. Al-Hodeidah aceita cerca de 80% de todas as entregas de ajuda e comerciais para o país em crise.

    Na semana passada, a imprensa informou que os houthis estavam dispostos a entregar o controle do porto iemenita às Nações Unidas, de modo a aliviar as tensões. No entanto, o movimento rebelde disse ao Sputnik em 26 de junho que a questão do controle sobre Al-Hodeidah não se enquadrava na competência da ONU, uma vez que o principal objetivo deste último era observar a situação.

    Tags:
    Ministério das Relações Exteriores dos Emirados Árabes Unidos, Nações Unidas, Martin Griffiths, Anwar Gargash, Abd Rabbuh Mansur Hadi, Hudaydah, Zabid, Ansar Allah, Al Hodeidah, Iêmen
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik