04:49 10 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Artilharia do Exército saudita dispara contra o Iêmen a partir de um posto perto da fronteira saudita-iemenita, no sudoeste do país, em 13 de abril de 2015. A Arábia Saudita lidera uma coalizão de vários países árabes realizando ataques aéreos contra os rebeldes xiitas Huthis que invadiram a capital Sanaa em setembro e se expandiram para outras partes do Iêmen.

    2 civis morrem em bombardeio na Arábia Saudita

    © AFP 2018 / FAYEZ NURELDINE
    Oriente Médio e África
    URL curta
    220

    Dois civis foram mortos em um bombardeio realizado no sábado (9) por militantes Houthis do Iêmen na cidade de Jizan, no sudoeste da Arábia Saudita, informou o canal de TV Saudi Al-Ekhbariya, citando uma declaração da coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita.

    A região saudita de Jizan faz fronteira com o Iêmen.

    O país está sob o véu de um conflito violento entre o governo liderado pelo presidente iemenita Abd-Rabbo Mansour Hadi e o movimento Houthi, também conhecido como Ansar Allah.

    A coalizão de maioria dos países do Golfo Pérsico liderada pela Arábia Saudita vem realizando ataques aéreos contra os Houthis a pedido de Hadi desde março de 2015.

    Organizações internacionais e grupos de direitos humanos repetidamente expressaram alarme sobre a situação humanitária no país e o sofrimento de civis.

    Mais:

    Senador russo: postura da Arábia Saudita não afetará fornecimento de S-400 a Qatar
    Arábia Saudita teria ameaçado Qatar com 'ação militar' por causa de mísseis russos S-400
    Rebeldes Houthis abatem helicóptero militar no sudoeste da Arábia Saudita
    Este país pode se tornar palco de guerra entre Israel, Arábia Saudita e Irã
    Tags:
    Guerra do Iêmen, Houthis, Ansar Allah, Abd Rabbo Mansour Hadi, Golfo Pérsico, Iêmen, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik