04:16 20 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Soldados iranianos marcham durante parada militar em Teerã (arquivo)

    Netanyahu: vamos atacar o Irã em qualquer lugar da Síria

    © AFP 2018 / ATTA KENARE
    Oriente Médio e África
    URL curta
    14611

    O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, afirmou hoje que o seu país fará o possível para impedir que o Irã se estabeleça militarmente na Síria, atacando as posições iranianas em qualquer região do país vizinho.

    "Continuaremos agindo contra a intenção [do Irã] de estabelecer presença militar na Síria contra nós, não apenas do outro lado das colinas de Golã, mas em qualquer lugar da Síria", afirmou o líder israelense. 

    As tensões entre Teerã e Tel Aviv aumentaram significativamente nos últimos meses, chegando ao ápice no último dia 10, quando as forças de Israel bombardearam uma série de alvos do Irã na Síria, matando 23 combatentes. 

    Apesar das alegações do governo iraniano de que o país mantém apenas conselheiros militares em território sírio, recentemente, o ministro da Defesa israelense, Avigdor Lieberman, fez um pedido ao presidente sírio, Bashar Assad, para retirar todos os militares do Irã de seu país, afirmando que eles não estariam agindo de acordo com os interesses da Síria, mas apenas contribuindo para deteriorar ainda mais a situação da segurança no Oriente Médio. 

    Mais:

    Este país pode se tornar palco de guerra entre Israel, Arábia Saudita e Irã
    Israel bombardeia novos 25 alvos do Hamas na Faixa de Gaza em resposta a ataques
    EUA lançam novas sanções contra o Irã
    Tags:
    Benjamin Netanyahu, Avigdor Lieberman, Bashar Assad, Oriente Médio, Colinas de Golã, Tel Aviv, Teerã, Síria, Israel, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik