21:27 19 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Nesta foto sem data que foi divulgada pela Agência Central de Notícias da Coreia do Norte em Pyongyang no dia 7 de Março de 2017, o líder da Coreia do Norte Kim Jong-un supervisou o lançamento de mísseis balísticos das unidades da artilharia de Hwasong das Forças Estratégicas do Exercito Popular da Coreia

    'Coreia do Norte jamais vai abrir mão das armas nucleares', diz senador dos EUA

    © REUTERS / KCNA
    Oriente Médio e África
    URL curta
    767

    O senador norte-americano Marco Rubio está convencido de que a Coreia do Norte nunca abandonará seu programa nuclear e que as ações do líder norte-coreano são apenas "espetáculos".

    "Estou convencido de que o líder norte-coreano Kim Jong-un não quer a desnuclearização. Ele não vai eliminar as armas nucleares, mas quer criar a aparência de que ele é um líder aberto, que é pacífico e razoável", disse Rubio em uma entrevista ao ABC News.

    "É tudo um show. Kim liberou três americanos que eram inocentes, eliminou uma instalação que provavelmente já estava com defeito. Isso é ainda mais importante, o lugar onde ele fez a explosão foi em um campo de testes, ele pode testar armas em qualquer lugar", acrescentou Rubio.

    Rubio também afirmou que Kim Jong-un tem um "apego emocional, pessoal e psicológico" às suas armas nucleares, porque graças a elas, o líder da Coreia do Norte sente-se "influente".

    Anteriormente, o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, a pedido do presidente dos EUA, Donald Trump, ordenou o perdão e a libertação de três norte-americanos detidos no país. 

    Em 24 de maio, Pyongyang explodiu três minas de teste no local de testes nucleares de Pyungery, além de destruir postos de observação no solo, instalações de segurança e outras instalações de manutenção.

    Trump chegou a cancelar a cúpula com o líder norte-coreano na semana passada, mas depois voultou atrás e disse que a cúpula poderia acontecer. As negociações sobre a realização da cúpula foram retomadas no último final de semana.

    Mais:

    Para Trump, Coreia do Norte tem 'potencial brilhante'
    EUA visitam Coreia do Norte para preparar encontro entre Trump e Kim
    China continua incentivando encontro entre EUA e Coreia do Norte
    Pyongyang pode confiar que Washington não atacará após desnuclearização da Coreia?
    Tags:
    cúpula, armas nucleares, desnuclearização, Kim Jong-un, Donald Trump, EUA, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik