22:09 16 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Grafite em Teerã

    Assessor de Khamenei: Teerã não recuará diante da pressão dos EUA

    © AP Photo/ JEROME DELAY
    Oriente Médio e África
    URL curta
    EUA se retiram do acordo nuclear com Irã (32)
    7100

    A decisão do presidente dos EUA Donald Trump de abandonar o acordo nuclear iraniano causou preocupações sérias em ambos os lados do Atlântico.

    Os EUA serão os mais afetados pela sua decisão de deixar o acordo nuclear com Teerã, declarou Ali Akbar Velayati, conselheiro sênior do líder supremo iraniano, aiatolá Ali Khamenei.

    Velayati acrescentou que, ao decidir rasgar o acordo histórico, os EUA desrespeitaram os regulamentos internacionais, bem como os outros membros do Grupo 5+1 (EUA, Rússia, Reino Unido, França, Alemanha, China) e que o mundo já não pode confiar em Washington. 

    "A República Islâmica do Irã protege plenamente a sua independência e não recuará de forma alguma diante da pressão [dos EUA]. Nós provamos isso nos últimos 40 anos", declarou ele.

    Ele também alertou os países europeus para não fazerem cedências à política de Washington em relação ao acordo nuclear, algo que, segundo Velayati, afetará a reputação europeia em vez dos interesses do Irã.

    "A República Islâmica do Irã é capaz de resistir contra a violação [do acordo nuclear] por parte dos norte-americanos e aumentará a sua presença regional diariamente", sublinhou o assessor.

    O Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA), assinado em 2015 entre o Irã e Grupo 5+1 (EUA, Rússia, Reino Unido, França, Alemanha, China) e considerado histórico, limitou o programa nuclear de Teerã em troca do levantamento das sanções internacionais. Posteriormente, o presidente dos EUA criticou repetidamente o JCPOA, qualificando-o como o pior acordo da história dos EUA, e ameaçou abandonar o JCPOA caso ele não fosse "corrigido".

    Na terça-feira (8), Trump anunciou a saída dos EUA do acordo nuclear com o Irã, acusando Teerã de violar os termos do acordo.

    O líder americano ordenou imediatamente a reintrodução das sanções contra o país, que abrangerão áreas de importância crítica da economia iraniana, incluindo a energia e o setor financeiro.

    Tema:
    EUA se retiram do acordo nuclear com Irã (32)

    Mais:

    Irã afirma que não irá discutir nenhuma disposição do acordo nuclear
    Rússia não teme sanções dos EUA por envolvimento com Irã
    Tags:
    acordo nuclear, JCPOA, Barron Trump, Aiatolá Ali Khamenei, Ali Akbar Velayati, Irã, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik