09:14 20 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Explosão na Líbia

    Daesh reivindica autoria de atentado suicida na Líbia

    © REUTERS / Esam Omran Al-Fetori
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 01

    O grupo terrorista Daesh (Estado Islâmico) reivindicou a autoria de duplo atentatado suicida a bomba no escritório da comissão eleitoral na capital da Líbia, Trípoli.

    Pelo menos 12 pessoas morreram quando os agressores invadiram o prédio e atearam fogo nele.

    O grupo terrorista Daesh não forneceu qualquer evidência para provar a autoria do atentado.

    "O homem-bomba se explodiu dentro [do prédio] da comissão, e os outros incendiaram partes do edifício", detalhou porta-voz da comissão eleitoral da Líbia. 

    No momento do ataque, funcionários da comissão estavam registrando eleitores das eleições parlamentares e presidenciais que, segundo a ONU, podem "ser realizadas na Líbia até o final do ano".

    O conselho presidencial da Líbia, que governa em Trípoli, anunciou um luto de três dias no território sob seu controle.

    ​Anteriormente, nesta quarta-feira, o Daesh também assumiu a responsabilidade pelo incidente no norte de Bagdá, no Iraque, que matou 7 pessoas, na última terça-feira (1º). 

    Mais:

    Escritório da comissão eleitoral da Líbia sofre ataque suicida (FOTOS)
    Não farão conosco o que fizeram com o Iraque e a Líbia, diz a Síria
    Intervenção na Líbia: Sarkozy teria usado tropas francesas em interesses pessoais?
    Marine Le Pen: Sarkozy é responsável pela destruição da Líbia e crise de refugiados
    Tags:
    homem-bomba, terrorismo, atentado, Estado Islâmico, Daesh, Líbia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik