17:51 21 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu durante o encontro com Vladimir Putin, 23 de agosto de 2017

    Netanyahu acusa líder palestino de ser 'negacionista do Holocausto'

    © Sputnik / Aleksei Nikolsky
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1414

    O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, acusou o presidente palestino, Mahmoud Abbas, de ser um "negacionista do Holocausto".

    Netanyahu endureceu seu discurso contra Abbas depois que ele disse em 30 de abril que os judeus europeus foram periodicamente massacrados na Europa por causa de suas práticas bancárias e de usura.

    O primeiro-ministro de Israel fez referência à tese que Abbas apresentou em Moscou, na qual ele apontou que menos de um milhão de judeus foram massacrados durante o Holocausto. Existe um amplo consenso no mundo acadêmico de que cerca de seis milhões de judeus morreram no Holocausto.

    "Abbas fez outro discurso anti-semita […] Sustentou que os judeus da Europa foram perseguidos não porque eram judeus, mas porque praticavam empréstimos de usura", disse Netanyahu.

    De acordo com o líder israelense, Abbas "era um negacionista e continua a ser um negacionista do Holocausto". O primeiro-ministro pediu à comunidade internacional para "condenar o grave anti-semitismo de Mahmoud Abbas".

    Tags:
    holocausto, Mahmoud Abbas, Benjamin Netanyahu, Oriente Médio, Palestina, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik