10:52 18 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Sanaa, Iêmen

    Líderes houthis morrem em ataques aéreos da coalizão na capital do Iêmen

    © Sputnik / Faisal Al Shabibi
    Oriente Médio e África
    URL curta
    213

    A coalizão internacional liderada pela Arábia Saudita realizou uma série de ataques aéreos contra instalações dos rebeldes houthis em Sanaa, matando diversos líderes do movimento, informou a mídia saudita neste sábado.

    A coalizão atingiu o campo de Najda, nas proximidades do ministério da Defesa houthi, no norte de Sanaa, assim como o prédio do governo no bairro de Sabin e um escritório de inteligência política, informou o jornal Sabk.

    A mídia saudita identificou um dos mortos como Abdul Hakim al-Khaiwani, um alto funcionário militar que ocupa o 36o lugar na lista de procurados sauditas.

    Os ataques aéreos aconteceram horas depois de um porta-voz da coalizão ter afirmado que um míssil balístico houthi foi interceptado nos arredores da cidade de Najran, no sudoeste da Arábia Saudita. A agência estatal saudita de notícias SPA informou que os fragmentos não provocaram danos.

    No início desta semana, rebeldes houthi anunciaram a morte de Saleh al-Samad, chefe do Conselho Político Supremo do Iêmen e um dos líderes do grupo Ansar Allah, como resultado de outro ataque aéreo da coalizão liderada pela Arábia Saudita.

    O Iêmen está envolvido em uma violenta guerra civil entre o governo, liderado pelo presidente Abd Rabbuh Mansur Hadi, e o movimento houthi. Desde 2015, a coalizão liderada pelos sauditas, composta em sua maioria por países do Golfo Pérsico, vem realizando ataques aéreos contra os houthis a pedido de Hadi. Os rebeldes, por sua vez, são aliados do ex-presidente do Iêmen, Ali Abdullah Saleh, morto em dezembro de 2017.

    Mais:

    Funcionário da Cruz Vermelha é assassinado no Iêmen
    Nova Lei dos EUA pode pressionar Arábia Saudita contra guerra no Iêmen
    Como armas francesas para Líbano acabaram nas mãos dos sauditas que combatem no Iêmen
    Ativistas do Iêmen apresentam queixa contra príncipe saudita por crimes de guerra
    Ataque da coalizão da Arábia Saudita mata 12 pessoas, inclusive 7 crianças, no Iêmen
    Suécia tem algo a esconder quanto à guerra no Iêmen?
    Tags:
    ataques aéreos, Houthis, coalizão internacional, Sanaa, Iêmen
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik