17:29 18 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Manifestante palestino na fronteira entre Gaza e Israel (foto de arquivo)

    Morre jornalista palestino que foi baleado durante protestos em Gaza

    © AFP 2018 / Sais Khatib
    Oriente Médio e África
    URL curta
    445

    Ahmed Abu Hussein, de 25 anos, tornou-se o segundo repórter palestino morto desde o início dos protestos na fronteira entre Israel e Gaza, no final de março.

    Hussein morreu das feridas que sofreu em 13 de abril, enquanto cobria os protestos na fronteira entre Gaza e Israel, fontes israelenses e palestinas anunciadas como citadas pela mídia. O jornalista teria sido tratado em um hospital israelense depois de ser baleado no estômago pelas forças de defesa israelenses perto de Jabalia, em Gaza.

    O irmão do falecido, Diaa, disse aos repórteres que o corpo de Hussein será transportado para a Faixa de Gaza para ser enterrado.

    Outro repórter palestino, Yasser Murtaja, foi morto no começo de abril enquanto cobria os confrontos na fronteira.

    Os palestinos realizam protestos em massa na fronteira da Faixa de Gaza há mais de um mês. Os comícios, conhecidos como a Grande Marcha de Retorno, têm se transformado em confrontos com as forças de defesa de Israel, que têm suprimido as manifestações citando preocupações de segurança.

    Dezenas de palestinos foram mortos e mais de mil pessoas ficaram feridas em consequência dos distúrbios.

     

    Mais:

    Protestos na Faixa de Gaza deixam 4 palestinos mortos por Israel
    Palestino é assassinado nos protestos na fronteira entre Israel e Faixa de Gaza
    Explosão na Faixa de Gaza deixa ao menos 2 palestinos mortos
    Palestino é morto e número de feridos na Faixa de Gaza passa de 700
    Exército de Israel deixa mais de 500 palestinos feridos, em Gaza
    Tags:
    jornalista, Faixa de Gaza
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik