08:05 23 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Sistema de defesa antiaérea S-400

    Fechada com os S-400 russos, Turquia ainda negocia compra dos Patriot dos EUA

    © Sputnik / Mikhail Mokrushin
    Oriente Médio e África
    URL curta
    5615

    A Turquia está discutindo a compra de mísseis terra-ar com os Estados Unidos e a União Europeia (UE), afirmando que o norte-americano Patriot não é uma alternativa para o russo S-400.

    "Posso dizer que as discussões com os EUA sobre a compra do sistema de mísseis Patriot continuam", afirmou o porta-voz do Ministério de Relações Exteriores, Hami Aksoy, a repórteres na sexta-feira, citado pela agência de notícias estatal Anadolu. Além disso, a Turquia deseja comprar sistemas de defesa aérea do consórcio franco-italiano Eurosam, disse a autoridade.

    De acordo com Aksoy, as negociações com Washington estão em pleno andamento, com o vice-ministro de Relações Exteriores, Umit Yalcin, a caminho dos EUA em breve, "possivelmente na próxima semana", para discutir o assunto em detalhes.

    A notícia chega em um momento em que os militares turcos se preparam para receber os mísseis S-400 russos de superfície. Em dezembro do ano passado, a Turquia anunciou que comprará quatro baterias da Rússia como parte de um acordo de armas no valor de US$ 2,5 bilhões.

    Altos funcionários turcos indicaram que o possível acordo com Washington terá pouco a ver com o acordo similar alcançado com Moscou. "Os EUA ainda são nossos aliados, apesar de seus erros na região da Síria", disse o primeiro-ministro Binali Yildirim, conforme citado pelo diário Hurriyet.

    "Não desistimos de sistemas compatíveis com a OTAN", disse Yildirim, acrescentando que os Patriot norte-americanos não seriam uma "alternativa" ao sistema de defesa antimíssil russo S-400.

    O porta-voz do Ministério de Relações Exteriores ecoou as palavras do primeiro-ministro, dizendo que "o sistema que estamos comprando da Rússia não pode ser integrado aos sistemas da OTAN, mas estamos mantendo nossa meta de desenvolver um sistema que seja compatível com a OTAN".

    O S-400 Triumph é o sistema antiaéreo russo mais avançado, capaz de atingir alvos aéreos em distâncias de até 400 quilômetros e mísseis balísticos a até 60 quilômetros de distância. Um lançador S-400 pode disparar pelo menos quatro tipos de mísseis interceptadores, e um esquadrão pode atingir até 36 alvos ao mesmo tempo.

    A Turquia espera seus primeiros S-400 no início de 2020, mas Moscou diz que está pronta para acelerar as entregas de pedidos do lado turco. "Em resposta ao pedido de nossos parceiros turcos para acelerar os prazos originalmente previstos, estamos reagindo positivamente", disse o ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, a jornalistas no início de março.

    O acordo prejudicou as relações difíceis entre a Turquia e seu aliado da OTAN, os EUA. Washington se opôs ao acordo, alertando Ancara das consequências se o acordo for adiante.

    Mais:

    Em referência à Turquia, Grécia disse que vai 'esmagar' ameaça remanescente dos Otomanos
    EUA oferecerão para Turquia opção ao sistema russo de defesa antiaérea S-400
    Lavrov: Rússia trabalha para acelerar a entrega do sistema S-400 para a Turquia
    Tags:
    relações bilaterais, sistema antimísseis, patriot, s-400 triumph, Eurosam, União Europeia, OTAN, Sergei Lavrov, Hami Aksoy, Binali Yildirim, Europa, Estados Unidos, Rússia, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik