12:49 19 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    021
    Nos siga no

    O ministério das Relações Exteriores da Áustria chamou de volta um funcionário da sua embaixada em Israel depois de um semanário publicar uma foto mostrando-o vestindo uma camiseta com o nome de uma divisão de tanques nazistas.

    O semanário Falter publicou uma foto de Kleppich usando uma camisa verde com as palavras "fique firme" e "Frundsberg". Frundsberg era uma divisão blindada alemã da Waffen-SS, divisão de infames supervisores do sistema de campo de concentração, um grupo de elite formado apenas pelos ideólogos mais fiéis nazistas. A revista também relatou que Kleppich havia postado anteriormente uma foto de seu avô em um uniforme nazista nas mídias sociais.

    Kleppich é membro do Partido da Liberdade, uma organização político nacional-conservadora na Áustria. Em dezembro, o diplomata foi enviado a Tel-Aviv para ajudar na embaixada austríaca por vários meses, segundo a ministra das Relações Exteriores da Áustria, Karin Kneissl.

    De acordo com o Times of Israel, a camisa era vendida pela Phalanx Europe, uma loja online que vende roupas "patrióticas" para aqueles que apóiam o movimento identitário.

    O ministério publicou uma ordem para que Kleppich "convocando-o a Viena imediatamente para se submeter a uma investigação legal sobre as acusações na mídia", relatou o Times de Israel.

    Tags:
    Israel, Áustria, Viena, Karin Kneissl, Waffen-SS, Partido da Liberdade da Áustria, Times of Israel, Falter, Phalanx Europe, Ministério das Relações Exteriores da Áustria, Frundsberg, nazismo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar