14:38 19 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, discursa em uma reunião do seu partido em Amasya, Turquia, em 28 de janeiro de 2018

    'Ei, OTAN, cadê você?', pergunta Erdogan

    © AP Photo / Yasin Bulbul
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Conflito em Afrin (30)
    15174

    O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, criticou a OTAN por não apoiar a ofensiva de seu país contra militantes curdos na Síria.

    Falando com a imprensa neste sábado (10), Erdogan indagou: "Ei, OTAN, cadê você?". Ele acusou a aliança militar de adotar um padrão duplo em suas decisões. Erdogan afirmou que a Turquia enviou militares para zonas de conflito quando solicitado, mas não recebeu o mesmo tipo de ajuda em retorno.

    Ancara lançou uma ofensiva militar em 20 de janeiro contra as Unidades de Proteção Popular curdas (YPG) no noroeste da Síria. Enquanto a Turquia considera a YPG uma organização terrorista, os Estados Unidos apoiam o grupo para combater o Daesh.

    Erdogan também afirmou que as fronteiras da Turquia estão "ameaçadas neste exato momento" e pediu auxílio da OTAN para protegê-las.

    Tema:
    Conflito em Afrin (30)

    Mais:

    Ucrânia dá mais um passo para aderir à OTAN
    General da OTAN desmente mito da 'agressão russa' no Báltico
    OTAN fará exercícios de grande escala perto da fronteira da Rússia
    Erdogan rebate críticas da OTAN por compra de armamento russo
    Para especialista, nova geração de armas russas é resposta à ofensiva dos EUA e da OTAN
    OTAN diz que não quer nova Guerra Fria ou nova corrida armamentista
    Tags:
    Unidades de Proteção Popular (YPG), Daesh, OTAN, Recep Tayyip Erdogan
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik