22:23 16 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Área destruída por ataques da coalizão internacional liderada pela Arábia Saudita no Iêmen (arquivo)

    Ataque da coalizão árabe deixa vários mortos e feridos no Iêmen

    © AP Photo / Hani Mohammed
    Oriente Médio e África
    URL curta
    312
    Nos siga no

    Pelo menos 17 pessoas morreram e mais de 20 ficaram feridas após um bombardeio da coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita no Iêmen, segundo informou uma fonte local à Sputnik.

    O ataque aéreo teve como alvo o distrito de Al-Qafla, no território de Amran.

    "Os aviões da coalizão bombardearam uma ponte e um mercado durante o dia, e, mais tarde, lançaram outro ataque contra a região, quando os habitantes locais tentavam ajudar as vítimas, o que resultou na morte de 17 pessoas e em mais de 20 feridos", afirmou a fonte. 

    O Iêmen vive em estado de conflito armado desde 2014, com os rebeldes houthis combatendo as forças leais ao presidente Abd Rabbuh Mansur. Desde março de 2015, uma coalizão internacional liderada por Riad vem bombardeando posições rebeldes no país vizinho. Segundo a ONU, mais de 10 mil pessoas já morreram por conta dos conflitos. 

    Mais:

    Militares sauditas interceptam míssil disparado pelo grupo rebelde do Iêmen
    EAU exibem maior lança-foguete do mundo para conter houthis no Iêmen
    Coalizão árabe corta abastecimento de houthis no Iêmen
    Tags:
    guerra, ataque, bombardeio, Abd Rabbuh Mansur Hadi, Amran, Al-Qafla, Arábia Saudita, Iêmen
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar