23:48 28 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Protestos se alastram pelo Irã (34)
    1749
    Nos siga no

    O ex-presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, foi detido durante sua viagem à cidade iraniana de Shiraz por acusações de incitar a desordem no Irã no contexto dos protestos no país, informou o jornal Al-Quds Al-Arabi de Londres, citando suas próprias fontes em Teerã.

    "As autoridades deram a ordem de deter o ex-presidente do Irã, Mahmud Ahmadinejad, durante sua visita à cidade de Shiraz, a detenção foi realizada com a aprovação do líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei", informou o comunicado.

    Segundo os dados do jornal, as autoridades iranianas tomaram essa decisão por causa das recentes declarações de Ahmadinejad na cidade de Bushehr, no sul do Irã, que foram qualificadas como "incitação à desordem".

    Em 4 de janeiro, o ex-presidente iraniano, falando com os moradores de Bushehr, criticou o atual presidente, Hassan Rouhani, e seu governo acusando-os de "má gestão" e afastamento dos problemas do povo iraniano, bem como de estabelecimento de um "monopólio de riqueza pública".

    As maciças manifestações que começaram no Irã em 28 de dezembro de 2017, que estão tomando as ruas de grandes cidades iranianas entre elas Teerã, Mashhad, Isfahan e Rasht, resultaram em ao menos 20 vítimas mortais.

    O comandante do Corpo da Guarda Revolucionária Islâmica, major-general Mohammad Ali Jafari, declarou em 3 de janeiro que as manifestações de 2017 foram fracassadas.

    Tema:
    Protestos se alastram pelo Irã (34)

    Mais:

    Irã acusa EUA, Israel e Arábia Saudita de organizar manifestações no país
    Trump deveria remover banimento de imigrantes do Irã para apoiar protestos, diz democrata
    Tags:
    detenção, Mohammad Ali Jafari, Hassan Rouhani, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar