23:34 20 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Bandeira da vitória sobre o edifício de Reichstag em Berlim em 1 de maio de 1945. Reprodução.

    Como no Reichstag: bandeira soviética é levantada sobre Raqqa (FOTO)

    © Sputnik / Yevgeny Haldei
    Oriente Médio e África
    URL curta
    24394
    Nos siga no

    Membros do Batalhão Internacional da Liberdade (IFB, na sigla em inglês) içaram sobre a cidade síria de Raqqa, que há algum tempo era considerada como um baluarte dos terroristas, uma bandeira soviética.

    A foto, publicada pelo jornal britânico Morning Star, lembra muito a famosa Bandeira da Vitória, a foto tirada em 1945 por Yevgeny Khaldei durante a Batalha de Berlim. A foto é mundialmente conhecida e é considerada como um dos símbolos da vitória sobre o nazismo.

    ​Os representantes do IFB, que luta contra o Daesh (grupo terrorista, proibido na Rússia) junto com a oposição síria e formações curdas, revelaram para o jornal britânico que consideram Raqqa como um símbolo da vitória sobre o "fascismo do Daesh". Os combatentes do batalhão se vêm como continuadores dos comunistas-libertadores.

    O Batalhão Internacional da Liberdade junta combatentes adeptos da ideologia comunista de vários países europeus e do Oriente Médio.

    Em meados de 2017, as Forças Democráticas da Síria, apoiadas pela coalizão liderada pelos EUA, anunciaram a libertação completa de Raqqa dos terroristas do Daesh. A chancelaria síria declarou na altura que a cidade continua sendo considerada como ocupada até passar para o controle das tropas governamentais.

    Mais:

    Últimos dias do Terceiro Reich
    Terroristas do Daesh plantaram explosivos em quase todos os edifícios no centro de Raqqa
    Turquia acusa curdos sírios por colaborarem com o Daesh em retirada de Raqqa
    Tags:
    vitória, bandeira, comunismo, Daesh, Síria, Raqqa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar