23:27 22 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Rebeldes Houthis armados no Iêmen

    Irã nega fornecimento de mísseis ao Iêmen

    © REUTERS / Khaled Abdullah
    Oriente Médio e África
    URL curta
    401

    O Irã nega as acusações "destrutivas e provocadoras" dos EUA de que Teerã teria fornecido os mísseis que o Iêmen lançou contra a Arábia Saudita no início de novembro, indica a declaração do representante permanente do Irã na ONU.

    "A representante dos EUA na ONU acusou hoje o governo do Irã se fornecer os mísseis lançados contra a Arábia Saudita em 4 de novembro, rejeitamos categoricamente essa acusação infundada, irresponsável, provocadora e destrutiva", diz-se no comunicado.

    A embaixadora dos EUA na ONU, Nikki Haley, apresentou em Washington fragmentos de um míssil de produção iraniana supostamente lançado pelos houthis do Iêmen contra o aeroporto de Riad.

    O Irã qualificou estas demonstrações de "fabricadas".

    No dia 4 de novembro foi divulgado pela imprensa que a defesa aérea da Arábia Saudita havia inteceptado um míssil nos arredores de Riad. As autoridades destacaram que o míssil visava atingir o Aeroporto Internacional Rei Khalid.

    Mais:

    Saia do Iêmen e rompa com Israel para restaurar os laços com o Irã, diz Rouhani à Riad
    Ataque aéreo dos EUA mata 5 militantes da Al-Qaeda no Iêmen
    Guerra esquecida: conflito na RD Congo é pior que na 'Síria, Iêmen e Iraque'
    Tags:
    aeroporto, míssil, lançamento, ONU, Nikki Haley, Irã, Arábia Saudita, Iêmen
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik