01:40 17 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Aviação russa ataca terroristas na Síria

    Pentágono nega que EUA estejam impedindo luta russa contra jihadistas

    © Sputnik .
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1038
    Nos siga no

    O Departamento de Defesa norte-americano desmentiu as acusações da Defesa da Rússia sobre uma suposta interferência dos EUA nas operações russas contra o terrorismo na Síria, segundo informou à Sputnik uma fonte do Pentágono neste sábado.

    "A única força que conseguiu um progresso significativo foi a coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos, não a Federação da Rússia nem o regime sírio. Essas acusações são incorretas", afirmou. 

    Mais cedo, o porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia, Igor Konashenkov, declarou que a maioria dos encontros entre aviões da Rússia e dos EUA na Síria seriam provocados por tentativas da aviação norte-americana de "criar obstáculos à eliminação dos terroristas do grupo Daesh", o autodenominado Estado Islâmico. As palavras de Konashenkov foram uma resposta ao porta-voz do comando central da Força Aérea dos EUA, Damien Pickart, que havia acusado a aviação russa de ter um comportamento perigoso nos céus da Síria.

    Mais:

    Iraque anuncia vitória completa sobre o Daesh
    Militantes do Daesh tentam se aproximar da Rússia reforçando posições no Afeganistão
    Pentágono nega derrota de Daesh para poder ficar na Síria
    Estado-Maior da Rússia informa que a Síria foi completamente libertada do Daesh
    Israel considera Hezbollah ameaça incomparavelmente maior do que Daesh
    Tags:
    terroristas, Daesh, Estado Islâmico, Damien Pickart, Igor Konashenkov, Rússia, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar