12:12 12 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Bandeira da China (foto de arquivo)

    China investirá na recuperação da Síria

    © AFP 2017/ ISAAC LAWRENCE
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 80

    A China está incentivando a participação de empresas do país no processo de restauração da economia síria, informou nesta quinta-feira o representante do ministério do Comércio chinês, Gao Fen.

    "As empresas chinesas atribuem uma grande importância à relação econômica e comercial com a Síria. Em agosto de 2017 mais de 20 empresas chinesas participaram da Feira Internacional de Damasco, o que refletiu o grande interesse das companhias chinesas no mercado sírio e o desejo de ampliar as parcerias.

    A China apoia o fortalecimento da cooperação e dos laços das empresas chinesas com a Síria, bem como a sua participação na restauração do país e na manutenção da segurança", disse Gao Fen durante uma coletiva de imprensa.

    O alto funcionário destacou que a economia síria está entrando em uma nova fase de desenvolvimento. 

    Pequim considera, segundo ele, que a restauração econômica do páis árabe no pós-guerra constitui uma garantia de estabilidade econômica de longo prazo. 

    O representante chinês afirmou que a comunidade internacional deve atribuir um  valor importante à recuperação do Oriente Médio, após a derrota final do Daesh.

    Mais:

    Enviado especial: China quer desempenhar papel ativo na reconstrução da Síria
    Espaço para manobra: China aumenta seus interesses geopolíticos na Síria
    China pode ajudar Síria a reconstruir o país após a guerra terminar
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik