17:29 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Chanceler alemão, Sigmar Gabriel (foto de arquivo)

    Alemanha, Reino Unido e França defendem preservação do acordo nuclear com Irã

    © REUTERS / Tiksa Negeri
    Oriente Médio e África
    URL curta
    260
    Nos siga no

    Depois da reunião em Bruxelas entre os chanceleres da Alemanha, França e do Reino Unido e a chefe da diplomacia da União Europeia, Federica Mogherini, todos os integrantes decidiram preservar o acordo nuclear com o Irã em todos os casos, disse a jornalistas o ministro das Relações Exteriores alemão, Sigmar Gabriel.

    "Concordamos que, em todos os casos, queremos preservar o acordo com o Irã, caso contrário, corremos o risco de que ele crie armas nucleares", declarou o ministro após a reunião. A declaração do ministro foi transmitida on-line no site da Comissão Europeia.

    Na semana passada, após consultas em Washington, Mogherini declarou que a União Europeia espera pleno cumprimento do acordo nuclear com o Irã, inclusive por parte dos Estados Unidos.

    Em meados de outubro, o presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou que a Casa Branca trabalhará com o Congresso nas "falhas sérias" do acordo internacional com o Irã, e ameaçou anulá-lo, caso seja impossível chegar a uma concordância com o Congresso e aliados.

    O Irã e P+1 (Rússia, Reino Unido, China, França e Alemanha) em 14 de julho de 2015 assinaram o acordo histórico que regula o problema de muitos anos do programa nuclear iraniano: foi adotado o Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA, na sigla em inglês), que, caso o Irã cumpra o pedido, seriam canceladas todas as sanções econômicas e financeiras introduzidas anteriormente pela ONU, Estados Unidos e União Europeia.

    Mais:

    Explosão em oleoduto estatal é 'ato de terrorismo' orquestrado pelo Irã, acusa Bahrein
    Macron quer revisar acordo com Irã para não criar 'uma Coreia do Norte' no Oriente Médio
    UE garantirá que o acordo nuclear com o Irã será implementado por todas as partes
    Tags:
    preservação, nuclear, acordo, Comissão Europeia, União Europeia, Donald Trump, Federica Mogherini, Sigmar Gabriel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar