17:39 20 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Agente de saúde aplica vacina experimental contra o ebola na Libéria

    Cruz Vermelha encontra desvio de US$ 6 milhões de sua campanha contra ebola

    © REUTERS / JP/KR
    Oriente Médio e África
    URL curta
    912

    A Cruz Vermelha encontrou um desvio de US$ 6 milhões em sua campanha para combater o ebola na África Ocidental, confirmou a organização neste sábado (4).

    Um surto de ebola matou mais de 11 mil pessoas na Serra Leoa, Libéria e Guiné entre 2014 e 2016.

    A doença surgiu na Guiné e rapidamente se espalhou para outros países. A ajuda internacional demorou a chegar e a distribuição de recursos foi desorganizada.

    Segundo a investigação, um "provável conluio" entre funcionários da organização e um banco de Serra Leoa desviou US$ 2 milhões. A Cruz Vermelha afirmou que está trabalhando com as autoridades locais para "investigar e perseguir legalmente qualquer pessoa envolvida".

    Já na Libéria, foi encontrada "evidência de fraude" por meio de "preços inflacionados" que gerou um desvio de cerca de US$ 2,7 milhões. E na Guiné, o desvio foi estimado em US$ 1 milhão.

    A Federação Internacional da Cruz Vermelha disse que irá aumentar seus mecanismos de combate à corrupção e enviar auditores com suas equipes de operação de emergência. O organismo ainda realizará um treinamento de sua equipe e pretende criar um órgão de fiscalização interna independente.

    A Cruz Vermelha afirmou que ainda está realizando outras duas investigações. 

    Mais:

    OMS: transmissão do vírus ebola na Guiné chega ao fim
    Vacina russa contra vírus ebola passa primeira fase de testes clínicos
    Rússia apresenta oficialmente duas vacinas contra o Ebola
    Putin: Rússia registrou a mais eficiente vacina contra Ebola produzida até o momento
    OMS: fim da transmissão do ebola na Guiné
    Alemanha gasta US$ 40 milhões para tratar 'vítimas do ebola' sem ebola
    Tags:
    Cruz Vermelha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik