22:35 22 Julho 2019
Ouvir Rádio
    A residência oficial do presidente norte-americano, Casa Branca, Washington

    Chancelaria iraniana qualifica postura da Casa Branca como 'inaceitável'

    © Sputnik / Natalia Seliverstova
    Oriente Médio e África
    URL curta
    220

    O vice-chanceler iraniano, Abbas Araghchi, afirmou que Washington não está cumprindo suas obrigações no âmbito do acordo nuclear.

    Os Estados Unidos não cumprem a sua parte das obrigações do acordo nuclear iraniano, o que é "inaceitável", afirmou o vice-chanceler iraniano, Abbas Araghchi, neste sábado (21) durante a Conferência sobre a Não Proliferação de Armas Nucleares, organizada em Moscou.

    O diplomata apontou que o acordo deve ser cumprido "como um todo" e enfatizou que não pode ser alterado, caso contrário, "surgirão problemas".

    Neste sentido, Araghchi lamentou que a "atmosfera" gerada em torno do documento "está longe de ser construtiva". Ele também opinou que "qualquer declaração" do presidente dos EUA, Donald Trump, sobre o acordo nuclear — incluindo seu discurso na 72ª sessão da Assembleia Geral da ONU — é uma violação direta da "letra" do documento. O vice-chanceler iraniano também enfatizou que as atividades de Washington relacionadas às sanções contra seu país "terão consequências".

    Quanto aos compromissos de seu próprio país, Araghchi enfatizou que o Irã "não desenvolverá, obterá ou tentará obter armas nucleares a qualquer momento e sob quaisquer circunstâncias", uma vez que esta é "uma obrigação permanente e sem limite de tempo" que assumiu no quadro do acordo.

    A este respeito, ele reiterou que, quando o acordo expirar, Teerã não começará a desenvolver armas nucleares, mas se tornará um "membro normal" do Tratado de Não Proliferação Nuclear, como "qualquer outra potência não nuclear" e "terá sua assinatura sob todas as cláusulas ". Além disso, ele declarou que, se todas as partes do acordo nuclear iraniano cumprirem suas obrigações, Teerã ratificará um protocolo adicional dentro de seis anos.

    Mais:

    Guarda do Irã: programa de mísseis 'se expandirá e continuará' apesar da pressão dos EUA
    Líder do Irã: Teerã pode rasgar acordo nuclear 'em pedaços'
    Trump reforça 'chance real' de deixar acordo com Irã e especialista alerta: 'equivocado'
    Tags:
    acordo nuclear, armas nucleares, Assembleia Geral da ONU, Abbas Araghchi, Irã, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar