08:02 14 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Militares do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (CGRI) marcham durante uma parada militar em homenagem à Guerra Irã-Iraque, de 1980-1988

    Irã promete tratar o exército dos EUA como Daesh, se as novas sanções forem confirmadas

    © REUTERS / MORTEZA NIKOUBAZL
    Oriente Médio e África
    URL curta
    15314
    Nos siga no

    Washington está seguindo uma "via equivocada" ao tentar pressionar o Irã em negociações sobre assuntos regionais, afirmou a Guarda Revolucionária do Irã.

    A bandeira do Irã em frente do foguete Safir Omid antes do seu lançamento
    © AFP 2019 / STR / Vahidreza Alai
    O Irã advertiu os Estados Unidos de que pretende começar a tratar o exército norte-americano da mesma forma que o Daesh, se a informação de que Washington incluirá a elite das Forças Armadas iranianas na lista de organizações terroristas se confirmar.

    A possível inclusão do Corpo da Guarda Revolucionária Islâmica do Irã na lista de grupos terroristas, entre outras medidas contra Teerã, foi divulgada pelo jornal Financial Times.

    "Se a notícia sobre a estupidez do governo estadunidense de considerar a Guarda Revolucionária como um grupo terrorista se confirmar, então a Guarda Revolucionária considerará o exército dos Estados Unidos igual ao Daesh em todo o mundo, e particularmente no Oriente Médio", garantiu o comandante da divisão de elite iraniana, Mohammad Ali Jafari, em um comunicado,

    Além disso, Jafari assinalou que Washington está seguindo uma "via equivocada" ao tentar pressionar Irã em negociações sobre assuntos regionais e explicou que as novas sanções somente "acabarão com a oportunidade" de negociações entre os dois países. "Como já anunciamos no passado, se a nova lei de sanções dos EUA for aprovada, esse país precisará mover as suas bases regionais para fora do alcance dos mísseis iranianos, que é de 2 mil quilômetros", advertiu o comandante da Guarda Revolucionária.

    Mais:

    Opinião: Irã continuará sendo vencedor mesmo que EUA anulem acordo nuclear
    É o fim? Imprensa afirma que Trump pretende anular acordo nuclear com Irã
    Por que a Coreia do Norte está de olho no acordo nuclear entre EUA e Irã?
    Na contramão das sanções dos EUA, China abre linha de crédito de US$ 10 bi para o Irã
    Estados Unidos adotam novas sanções contra o Irã
    Tags:
    Corpo da Guarda Revolucionária Islâmica do Irã, Guarda Revolucionária do Irã, Mohammad Ali Jafari, EUA, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar