02:26 09 Março 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    2 0 0
    Nos siga no

    O comando das Forças Armadas dos EUA em África confirmou que uma patrulha conjunta dos EUA e Níger foi atacada no sudeste do país, informou a agência Reuters.

    "Podemos confirmar que a patrulha conjunta dos EUA e Níger foi alvo de fogo inimigo no sudeste do Níger", disse um porta-voz à Reuters.

    Representantes do Níger e EUA declararam à agência que, em resultado do ataque, foram mortos três norte-americanos e cinco militares nigerinos. Dois outros militares norte-americanos foram feridos.

    O Pentágono está investigando o caso para obter mais detalhes sobre o incidente.

    O comando nigerino explicou que os militares norte-americanos permanecem no país para "garantir a segurança das Forças Armadas do Níger", incluindo a luta contra "as organizações extremistas na região".

    Ainda não há informação sobre a identidade dos atacantes, mas, segundo a Reuters, no território onde ocorreu o ataque atuam vários grupos rebeldes, incluindo os grupos locais da Al-Qaeda e Daesh (organizações terroristas proibidas na Rússia).  Entretanto, uma fonte diplomática no Níger afirmou que os agressores teriam vindo do Mali.

    O incidente ocorreu na noite desta quarta-feira (4) no Níger, quando rebeldes não identificados atacaram militares norte-americanos e nigerinos.

    Mais:

    Mais de 20 soldados morrem em ataque a campo de refugiados no Níger
    Chade e Níger avançam em ataque ao Boko Haram
    Tags:
    ataque, militares, Al-Qaeda, Daesh, EUA, Níger
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar