07:01 15 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    12414
    Nos siga no

    Uma bomba explodiu ao lado do veículo do correspondente da Sputnik na cidade síria de Deir ez-Zor. O funcionário da agência saiu ileso, mas os fragmentos do projétil detonados quebraram a janela do carro e danificaram a carroceria.

    Durante o tiroteio, o correspondente estava fora do veículo e conversava com oficiais do exército sírio no distrito da cidade de Bhelie. O grupo terrorista Daesh (autodenominado Estado Islâmico) bombardeia diariamente os bairros residenciais de Deir ez-Zor. Em 21 de setembro, sob bombas terroristas, quatro pessoas morreram e mais de dez ficaram feridas com sérios ferimentos.

    A cidade de Deir ez-Zor esteve sob domínio dos terroristas do Daesh por mais de três anos até que o exército sírio, com a ajuda da aviação russa, conseguiu quebrar o cerco na semana passada.

    As hostilidades na Síria já causaram mais de 400 mil mortes, de acordo com estimativas de altos funcionários da ONU.

    Mais:

    Militares russos detectam deslocamento de militantes da oposição síria para Deir ez-Zor
    Coalizão dos EUA deixou de bombardear região de Deir ez-Zor, mas continua em Raqqa
    Comboio humanitário iraniano é atacado em Deir ez-Zor, na Síria
    Exército sírio cruza Eufrates a leste de Deir ez-Zor e avança contra Daesh
    Tags:
    Força Aérea da Rússia, Daesh, Sputnik, Estado Islâmico, Deir ez-Zor, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar