16:02 20 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Na sexta-feira (11 de agosto de 2017) em uma ferrovia nos arredores da cidade egípcia de Alexandria colidiram dois trens – um proveniente do Cairo e o outro de Porto Said

    Colisão de trens no Egito: funcionário morre depois de ver corpos das vítimas

    © REUTERS/ Osama Nageb
    Oriente Médio e África
    URL curta
    124513

    Um funcionário do Ministério do Transporte do Egito morreu de ataque cardíaco durante uma vistoria aos corpos das vítimas da colisão de dois trens, que levou as vidas de 42 pessoas.

    Estocolmo, Suécia (foto de arquivo)
    © REUTERS/ TT News Agency/Anders Wiklund
    "O conselheiro Mustafa Al Sayed não suportou a vistoria dos corpos dos mortos, de repente caiu e imediatamente morreu", comunica o portal de notícias egípcio Masrawy, citando o assessor do Ministro do Transporte do Egito.

    Na sexta-feira (11) em uma ferrovia nos arredores da cidade egípcia de Alexandria colidiram dois trens – um proveniente do Cairo e o outro de Porto Said. Segundo os dados do Ministério da Saúde do Egito, morreram 42 pessoas e mais de 170 ficaram feridas.

    Segundo ao dados da edição Youm7, a razão do incidente pode ter sido um erro de um operador dos semáforos.

    Mais:

    Estação de radar mais avançada da Rússia aparece no Egito (FOTO)
    Violência em Jerusalém: França, Egito e Suécia convocam reunião do Conselho de Segurança
    Egito cancela isenção de vistos com Qatar
    Tags:
    mortos, vítimas, Egito, Alexandria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik