05:04 18 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Soldado iraquiano em frente à pichação do Daesh

    Daesh roubou mais de US$ 830 milhões de bancos no Iraque

    © AP Photo/ Hadi Mizban
    Oriente Médio e África
    URL curta
    210

    O Banco Central do Iraque afirmou nesta terça-feira (8) que o Daesh roubou mais de US$ 830 milhões dos bancos que estiveram nos territórios ocupados pelo grupo terrorista desde 2014.

    A declaração do órgão público, obtida pela Al Sumaria, diz que 121 escritórios em quatro diferentes províncias ficaram sob domínio do Daesh.

    A maior parte dos recursos fazia parte de reservas do Estado iraquiano, incluindo fundos dos ministérios da Defesa e do Interior. O Banco Central local afirmou que após a tomada do territórios pelos terroristas, medidas preventivas como o bloqueio de transferências a certas filiais foram tomadas.

    O primeiro-ministro do Iraque, Haider al Abadi, proclamou em 9 de julho a derrota total do Daesh em Mossul, após uma ofensiva militar que durou nove meses. Agora o Exército local prepara uma operação para retomar a cidade de Tal Afar, considerada o último grande bastião do Daesh no Iraque.

    Mais:

    O tropeço de Idlib: com quem terá que combater Damasco após vencer Daesh?
    Estaria Washington cooperando com Hezbollah para combater Daesh?
    Terrorista prisioneiro conta sobre célula secreta do Daesh
    Exército sírio cerca o último bastião do Daesh em Homs
    Militares iraquianos eliminam o 'terceiro homem' do Daesh
    Líder da Chechênia revela como se pode pôr fim a recrutamento dos jovens para o Daesh
    Tags:
    Banco Central do Iraque, Daesh, Haider al-Abadi
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik