13:13 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Fábrica de armas químicas em Aleppo

    Pentágono: Síria não usou armas químicas desde o ataque dos mísseis de cruzeiro dos EUA

    © Sputnik / Nour Molhem
    Oriente Médio e África
    URL curta
    821
    Nos siga no

    O chefe do Estado-Maior Conjunto dos Estados Unidos, Joseph Dunford, declarou neste sábado que as autoridades sírias não recorrem ao uso de armas químicas desde abril, quando os militares norte-americanos atacaram a base de Shayrat, na província de Homs, com mísseis de cruzeiro.

    "Em abril [Bashar] Assad recebeu um alerta de que haverá consequências, no caso do uso de armas químicas contra a própria população. O tempo passou e ele não recorreu às armas químicas desde então", disso o militar durante um fórum de segurança, realizado em Aspen, no Colorado. 

    No início de abril, os EUA realizaram um ataque com mísseis de cruzeiro Tomahawk contra a base militar síria de Shayrat. O ataque foi realizado sob o pretexto de destruir um suposto depósito de armas químicas no local.

    Mais cedo, no mesmo fórum, o diretor da CIA, Mike Pompeo, declarou que os Estados Unidos possuem provas do uso de armas químicas pelo governo da Síria.

    A oposição síria denunciou, em 4 de abril, um suposto ataque com armas químicas na cidade de Khan Shaykhun (província de Idlib) que deixou mais de 80 mortos, segundo a Organização Mundial de Saúde. A oposição acusou o exército sírio de usar armas químicas, mas o exército negou todas as acusações. Em vez de uma investigação, em 7 de abril a base de Shayrat, a partir da qual, alegadamente, teria sido realizado o ataque de 4 de abril, foi atacada com 59 mísseis dos EUA.

    O presidente da Síria, Bashar Assad, afirmou em entrevista à Sputnik que o ataque químico foi encenado para justificar o lançamento dos mísseis contra Shayrat.

    Mais:

    Presidente Macron revela sua atitude perante Rússia e a questão de armas químicas na Síria
    Senador russo alerta para uma provocação com armas químicas em breve na Síria
    Deputado sírio: EUA exploram tema de armas químicas para esconder suas derrotas
    Confirmada a informação sobre filmagens de uso de armas químicas encenadas da Al-Jazeera
    Rússia contesta alegação da HRW de uso de armas químicas na Síria
    'Damasco tem 100% de certeza de que os terroristas obtiveram as armas químicas na Turquia'
    Chefe do Pentágono acusa Damasco de manter armas químicas
    Tags:
    armas químicas, Joseph Dunford, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar