10:55 21 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Navios de guerra da Marinha do Irã

    Irã nega acusações dos EUA quanto a uso de arma de laser contra suas forças

    © AP Photo/ Fars News Agency, Mahdi Marizad
    Oriente Médio e África
    URL curta
    71092100

    A Marinha do Irã nega as declarações dos EUA, segundo as quais em junho um navio iraniano apontou um laser para um helicóptero que estava escoltando navios estadunidenses no estreito de Ormuz.

    Essas acusações foram desmentidas pelo representante da Marinha iraniana, almirante Hossein Azad, escreve a agência iraniana Tasnim.

    Segundo os militares americanos, o incidente ocorreu no dia 13 de junho, quando o grupo de navios americanos estava em águas internacionais no estreito de Ormuz.

    Como declarou o representante da Marinha dos EUA, Bill Urban, um navio iraniano se aproximou dos navios americanos apontando um projetor contra um dos navios dos EUA. Ele acrescentou que "depois disso, o navio iraniano apontou um laser para o helicóptero CH-53E que estava escoltando o grupo de navios".

    Conforme o comunicado da Marinha dos EUA, "iluminar helicópteros com lasers durante a noite é perigoso, pois cria ameaça para o veículo aéreo".

    Mais:

    EUA acusam Irã de colocar navegação em perigo no estreito de Ormuz
    Marinha do Irã realiza exercícios navais de grande porte no mar Cáspio (VÍDEOS)
    'Sonho dos EUA de derrotar o Irã não passa de delírios perturbados', diz general
    EUA: Ações navais do Irã no estreito de Ormuz podem 'escalar tensões'
    Tags:
    perigo, escolta, arma a laser, helicóptero, acusações, CH-53E Super Stallion, Marinha dos EUA, Marinha do Irã, Bill Urban, Estreito de Ormuz, EUA, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik