14:46 25 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1521
    Nos siga no

    Segundo informação de fontes nas Forças Democráticas da Síria (FDS), a coalizão internacional realizou um ataque por engano contra posições das FDS em Raqqa.

    O ataque resultou em 30 mortos e 15 feridos. Um alto representante das FDS que pediu anonimato contou detalhes para a Sputnik Turquia.

    "Os ataques aéreos da coalizão foram realizados em 8 de julho. Os aviões da coalizão bombardearam posições das FDS na área das muralhas de Raqqa. Na sequência do ataque morreram 30 combatentes, 15 ficaram gravemente feridos. Todos os combatentes mortos eram árabes", disse o representante das FSD.

    O comando da coalizão não sabia que a subdivisão das FDS havia entrado nesta área de Raqqa, destacou ele, acrescentando que coalizão conhecia apenas as posições do Daesh (grupo terrorista, proibido na Rússia), por isso atacaram a região.

    Anteriormente já tinham ocorrido ataques por engano contra posições das FDS no norte de Raqqa. Nessa ocasião morreram 18 combatentes das FDS.

    Mais:

    Forças Democráticas da Síria apoiadas pelos EUA cercam completamente a cidade de Raqqa
    Exército sírio retoma cidade histórica próxima de Raqqa do Daesh
    Exército Sírio liberta mais seis vilas na província de Raqqa
    Tags:
    coalizão internacional, ataque aéreo, Forças Democráticas da Síria, Raqqa, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar