08:45 22 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    A general view shows the Kurdish-controlled city of Afrin, northern Syria. (File)

    Até 20.000 militares participarão da operação turca para conquistar região síria de Afrin

    © REUTERS/ Mahmoud Hebbo
    Oriente Médio e África
    URL curta
    242897160

    O Exército Livre da Síria, opositor do governo, apoiado pelas Forças Armadas turcas, terminou os preparativos para uma nova operação na região síria de Afrin controlada por curdos sírios, sendo que cerca de 20 mil efetivos participarão da operação, comunicou neste domingo (2) a edição turca Sabah citando fontes locais.

    Ancara considera as Unidades de Proteção Popular (YPG) curdas como uma organização terrorista relacionada com o Partido dos Trabalhadores do Curdistão, proibido na Turquia.

    Os primeiros alvos da operação serão a cidade de Tel Rifat e a base aérea de Menagh. O avanço começará para leste a partir de Azaz, Jibrin e Mari e para oeste a partir de Idlib.

    A edição turca Sabah comunica que Ancara está conduzindo consultas com Moscou devido ao início da nova operação na Síria. Mais cedo, o site oficial do líder turco anunciou as conversações que o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, e o ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, conduzirão neste domingo (2) em Istanbul.

    Mais:

    Curdos vão ceder base aérea na Síria para EUA
    Erdogan manifesta irritação com plano dos EUA de armar curdos
    Turquia: EUA pegarão de volta armas fornecidas aos curdos após derrota do Daesh
    Tags:
    operação militar, avanço, Exército Livre da Síria, Unidades de Proteção Popular (YPG), Curdistão sírio, Turquia, Síria, Afrin
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik