07:00 13 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    O retrato de Abu Bakr al Baghdadi

    Baghdadi está morto: Guarda Revolucionária do Irã confirma a morte do líder do Daesh

    CC BY 2.0 / thierry ehrmann / Abu Bakr al Baghdadi, painted portrait
    Oriente Médio e África
    URL curta
    184522

    A Guarda Revolucionária iraniana confirmou a morte do chefe do Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, "através de múltiplos canais", informou um alto funcionário do Irã nesta quinta-feira.

    O clérigo Hojjat ol Eslam Ali Shirazi, chefe da Força Quds, uma unidade especial do Exército dos Guardiães da Revolução Islâmica do Irã, disse à agência Asr-e Iran News que "al-Baghdadi foi liquidado com absoluta certeza". 

    Durante as últimas semanas, relatos circularam na imprensa internacional, afirmando que al-Baghdadi teria sido morto durante um ataque aéreo russo em um subúrbio ao sul de Raqqa, na Síria.
    Nesta quinta-feira,  a emissora iraniana Irib divulgou fotos de um suposto cadáver de Baghdadi. O rosto do homem se parece muito com o do líder terrorista. A veracidade das fotos, no entanto, ainda não foi confirmada.

    Shirazi acrescentou que "Daesh é fruto dos esforços dos EUA e de alguns dos seus aliados na região".
    Segundo ele, "terroristas continuam a receber suporte dos seus tutores e o Irã continuará a combater o terrorismo".

    Mais:

    Lavrov: Rússia não tem confirmação segura da morte de al-Baghdadi
    Mídia revela quem pode ser próximo líder do Daesh
    Chancelaria russa: morte do líder do Daesh é 'muito provável'
    O que será do Daesh caso morte de seu líder seja confirmada?
    Rússia publica FOTOS do ataque em que pode ter morrido o líder do Daesh
    Tags:
    líder terrorista, terrorismo, morte, Guarda Revolucionária do Irã, Daesh, Hojjat ol Eslam Ali Shirazi, Abu Bakr al-Baghdadi, Rússia, Irã, Síria, Raqqa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik