00:40 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Um franco-atirador

    Franco-atirador recordista previne ataque massivo de militantes no Iraque

    © flickr.com/ Program Executive Office Soldier
    Oriente Médio e África
    URL curta
    250

    Graças à neutralização de um militante por um franco-atirador canadense a 450 metros de distância, foi prevenido um grande ataque contra militares.

    Anteriormente, foi comunicado que um franco-atirador das forças especiais canadenses no Iraque bateu recorde mundial ao eliminar um militante do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia e muitos outros países) a uma grande distância e com um fuzil de precisão McMillan TAC-50.

    O canal Global News comunicou, citando o vice-comandante das forças especiais do Canadá, que os militantes estavam prontos para realizar um ataque, mas, logo após o tiro certeiro, fugiram e começaram a se esconder.

    "Assim, o nosso time conseguiu participar [de combate ao terrorismo], prevenindo um ataque massivo. Trata-se de uma importante ação", disse o militar canadense.

    Como declarou o premiê do Canadá, Justin Trudeau, o recorde comprova a supremacia dos militares canadenses na área militar, acrescentando que os militares do seu país no Iraque não realizam missão de combate.

    A missão do Canadá, autorizada pelo governo iraquiano, permite abrir fogo contra os inimigos para defender as forças aliadas.

    Mais:

    Pelo menos 12 morreram e 20 ficaram feridos durante explosão em Mossul, no Iraque
    Sniper canadense bateu recorde de distância ao eliminar militante do Daesh no Iraque
    Especialista: UE pode causar maior desastre de sua história ao enviar tropas para o Iraque
    Tags:
    militantes, franco-atirador, Justin Trudeau, Iraque, Canadá
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik