13:34 18 Janeiro 2018
Ouvir Rádio
    Al-Udeid, a base militar dos EUA no Qatar

    Que outro instrumento de pressão sobre Qatar irão inventar EUA e EAU?

    © AP Photo/ J. Scott Applewhite
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Ruptura de relações diplomáticas com Qatar (67)
    2257

    O embaixador dos Emirados Árabes Unidos nos EUA, Yousef Al-Otaiba propôs que o país norte-americano use a base aérea de Al-Udeid no Qatar na qualidade de instrumento de pressão política sobre o governo do país.

    O Qatar hospeda a principal base militar dos EUA no Oriente Médio. Segundo informa o jornal Hill, mais de 11 mil militares dos EUA e dos países da coalizão internacional estão estacionados na base aérea de Al-Udeid no Qatar.

    "A base aérea — é um ótimo seguro que protege de qualquer pressão adicional. Talvez alguém no Congresso [norte-americano] deva se manifestar durante as audiências ou simplesmente dizer: Se calhar vale a pena considerar [possibilidade] da sua transferência?", o Hill cita as palavras do embaixador.

    "Se quiser ser honesto, nesse caso acho que a razão para não tomar medidas em relação ao Qatar é a base aérea", afirmou Yousef Al-Otaiba.

    Mais cedo, na sexta-feira (9), o representante do Pentágono tinha declarado que o bloqueio do Qatar por parte dos países do Golfo Pérsico não parou as operações militares contra o Daesh que os EUA conduzem a partir da base aérea Al-Udeid, mas impede de as planejar a longo prazo.

    No dia 5 de junho, a Arábia Saudita, os Emirados Árabes Unidos, o Egito e o Bahrein romperam as relações diplomáticas com o Qatar, acusando o país de apoiar o terrorismo e de interferir nos assuntos internos dos países árabes. O rompimento foi seguido pelas Maldivas, Maurícias e Mauritânia. Senegal, Niger e Chade convocaram os seus embaixadores de Doha. Jordânia e Djibouti reduziram as atividades das suas representações diplomáticas no país.

    Tema:
    Ruptura de relações diplomáticas com Qatar (67)

    Mais:

    Londres condenou o bloqueio ao Qatar
    Há males que vêm por bem: сrise do Qatar pode ser favorável a certos países
    Qatar agradeceu oferta russa para driblar o embargo alimentar
    Qatar estranha as críticas de Trump, após décadas de cooperação militar
    Tags:
    combate ao terrorismo, operações militares, base aérea, embaixador, coalizão internacional, Daesh, Pentágono, Oriente Médio, Qatar, Emirados Árabes Unidos, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik