08:59 19 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Presidente iraniano, Hassan Rouhani, chega à conferência de imprensa, Teerã, Irã, 17 de janeiro de 2016

    Hassan Rouhani é reeleito presidente no Irã

    © AFP 2017/ ATTA KENARE
    Oriente Médio e África
    URL curta
    3801121

    Vale ressaltar que foram 4 os candidatos que participaram da corrida presidencial iraniana em 2017, sendo um deles o atual líder do país, Hassan Rouhani.

    O atual mandatário do Irã, o reformista Hassan Rouhani, tem 68 anos de idade e foi reeleito nas eleições presidenciais realizadas nesta sexta-feira (19).

    De acordo com os dados do Ministério do Interior iraniano, Rouhani ganhou a eleição com 57% dos votos, comunica o RT.

    Um total de 55 milhões de iranianos foram convocados a participar das duodécimas eleições presidenciais no país, desde que em 1979 ele se converteu em República Islâmica.

    Rouhani conseguiu obter mais de 23 milhões de votos, enquanto Raisi ficou com cerca de 16 milhões. Os outros candidatos ficaram muito atrás de Rouhani e Raisi, ou seja, Mirsalim obteve 455 mil votos e Hashemitaba — por volta de 210 mil, de acordo com os dados mais recentes.

    Os eleitores podiam escolher entre 4 candidatos: Hassan Rouhani, atual presidente, do Partido da Moderação e Desenvolvimento; Ebrahim Raisi, da Sociedade do Clero Combatente, Mostafa Mirsalim, do Partido da Coalizão Islâmica e Mostafa Hashemitaba, do Partido dos Construtores Executivos.

    Ao longo da campanha eleitoral, Rouhani era visto como o favorito, apesar de que seu principal concorrente, o conservador Ebrahim Raisi, de 56 anos, conseguiu receber um apoio importante por parte dos setores religiosos tradicionais e de representantes da classe operária, decepcionados com a recessão econômica que o país está atravessando.

    A vitória de Rouhani é "um bom sinal para todo o mundo, incluindo para a Rússia", já que com ele "é possível chegar a um acordo sobre as questões importantes da política exterior", afirmou Konstantin Kosachev, chefe do Comitê Internacional do Conselho da Federação (Senado) russo, informa a Sputnik.

    De acordo com o político, o presidente reeleito do Irã "obtém assim carta branca" na política exterior, já que com ele no poder foi firmado em 2015 o acordo com seis mediadores internacionais sobre o programa nuclear iraniano e surgiu o formato de Astana, quer dizer, a forma de cooperação entre a Rússia, o Irã e a Turquia sobre o tema sírio.

    Facebook

    Procure a página Sputnik Brasil no Facebook e descubra as notícias mais importantes. Curta e compartilhe com seus amigos. Ajude-nos a contar sobre o que os outros se calam!

    Mais:

    Irã poderá intervir militarmente no Paquistão para eliminar células terroristas?
    Pentágono investiga cooperação entre Irã e Coreia do Norte
    Arábia Saudita ameaça Irã aumentando tensão entre os dois países
    Tags:
    eleições presidenciais, reeleição, Hassan Rouhani, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik