15:45 18 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Crianças deslocadas são evacuadas de Mossul Ocidental durante uma ofensiva em Mossul no Iraque contra os jihadistas, março de 2017

    Mais de meio milhão de pessoas deixaram Mossul Ocidental nos últimos meses

    © AFP 2017/ Aris Messinis
    Oriente Médio e África
    URL curta
    7605 0 0

    Pelo menos 526 mil pessoas já deixaram a zona oeste de Mossul desde o início da ofensiva do Exército do Iraque para retomar a região, ainda em parte controlada por jihadistas do Daesh, segundo informou o ministro do Deslocamento e Migração do Iraque, Jassim Mohammed Jaaf.

    De acordo com o ministro, enquanto as forças do governo ainda lutam para conquistar por completo o oeste da chamada capital do Estado Islâmico no Iraque, na zona oriental, totalmente liberada, mais de 90% dos habitantes que tinham deixado suas casas já retornaram. Esse percentual representa cerca de 176 mil pessoas.

    "O número de civis deslocados de Mossul Ocidental é estimado em 526.233 residentes desde o início das operações para liberar a parte ocidental de Mossul", afirmou Jaaf. 

    A ofensiva para reconquistar Mossul teve início em outubro de 2016. A parte leste da cidade foi libertada pelas tropas iraquianas no final de janeiro e, no mês seguinte, foi iniciada a operação na zona ocidental. 

    Twitter

    Siga Sputnik Brasil no Twitter e fique por dentro das notícias mundiais do momento.

    Tags:
    deslocados, Estado Islâmico, Daesh, Mossul, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik