20:29 17 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    081
    Nos siga no

    Um alto comandante iraquiano prometeu recuperar completamente a cidade de Mosul de terroristas Daesh nas próximas semanas

    O chefe do Estado-Maior do Iraque, Othman Ghanimi, prometeu libertar completamente a cidade de Mossul, parcialmente ocupada pelo grupo terrorista Daesh (autodenominado Estado Islâmico), informou a mídia local no domingo.

    De acordo com o jornal Al Sabah, Ghanimi disse que os jihadistas controlam cerca de 35% da cidade e Mossul seria completamente libertada em no máximo três semanas.
    Ele acrescentou que a operação do exército iraquiano é apoiada pelas atividades do centro, que foi montado em Bagdá pela Rússia, Iraque, Irã e Síria para coordenar a luta contra o Daesh em 2015.
    O exército iraquiano está envolvido na operação para libertar Mossul desde outubro de 2016. Os jihadistas do Daesh estabeleceram o controle sobre a segunda maior cidade no estado do Oriente Médio em 2014.

    Mais:

    'Tragédias de Mossul são claramente abafadas pela mídia internacional'
    Iraque: Daesh usou armas químicas contra o exército em Mossul
    Mais 12 vilas são retomadas do Daesh perto de Mossul
    Tags:
    Rússia, Iraque, Irã, Síria, Oriente Médio, Mossul, Bagdá, Othman Ghanimi, Daesh, Estado Islâmico, Al Sabah
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar