09:55 05 Março 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    14254
    Nos siga no

    A China e o Irã assinaram o primeiro contrato comercial para a reconstrução do reator de água pesada na cidade iraniana de Arak, comunica a agência chinesa Xinhua.

    A cerimônia oficial de celebração do acordo se deu no domingo (23) em Viena. A Chancelaria chinesa comunicou que as empresas de ambos os países já tinham rubricado o contrato em Pequim, enquanto a assinatura final do documento ocorreu hoje, informa a Xinhua.

    Mais cedo, o presidente iraniano Hassan Rohani afirmou que o reator nuclear de água pesada na cidade de Arak será um reator moderno de pesquisa, que corresponde aos padrões mais altos no mundo.

    A reconfiguração do reator em Arak vai decorrer no âmbito da realização do Plano de Ação Conjunto Global sobre o programa nuclear iraniano. O reator será reequipado de modo a não permitir novamente a produção de plutônio militar.

    A água pesada é usada em alguns tipos de reatores nucleares como um desacelerador de neutrões. Em tais reatores, é possível produzir plutônio militar, utilizando urânio natural mas sem enriquecê-lo. Em janeiro de 2016, o Irã afirmou que tinha desmontado a parte principal do reator, na qual se planejava usar água pesada.

    Mais:

    Secretário de Estado dos EUA: 'Acordo Nuclear com o Irã não conseguiu atingir objetivos'
    Trump pede investigação sobre acordo nuclear do Irã
    Irã não precisa de permissão para construir mísseis, diz presidente
    Tags:
    plutônio, reator nuclear, Plano Abrangente de Ação Conjunta, Hassan Rohani, China, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar